Osteófitos - "Bicos de Papagaio".

Também conhecidos como osteófitos, o bico-de-papagaio caracteriza-se pela formação óssea, em torno dos discos da coluna vertebral, que em exames de raio-x se assemelham ao formato de um bico (daí o nome bico-de-papagaio).

Essas formações, conhecidas como osteófitos, são uma forma de o organismo recuperar a estabilidade perdida. Com o desgaste das articulações da coluna, acabam por ocorrer “folgas” na coluna, essa instabilidade faz com que o nosso corpo forme osso na tentativa de segurar a coluna na sua anatomia correta, numa tentativa de criar estabilidade. São um tipo de artrose (desgaste das articulações).

 

A calcificação causa dores, pois comprime nervos e músculos. Surgem com maior frequência na coluna vertebral, porém qualquer articulação do corpo pode ser afetada.

 

Envelhecimento da coluna (espondilose), artrose, má postura, obesidade, sedentarismo, fraturas, sobrecarga articular, esforços repetitivos e doenças do foro reumatológico também são fatores que contribuem para a formação de osteófitos.

 

É um processo irreversível e progressivo, mas 95% dos casos são leves e tem controle mais fácil.

 

ACOMPANHAMENTO OSTEOPÁTICO

Previne problemas na coluna por beneficiar a mobilidade das articulações. Ajustes osteopáticos ainda ajudam a reduzir a dor e melhorar a qualidade de vida de quem já possui bico-de-papagaio.

1/9