6 aspectos que provavelmente não sabe sobre os músculos.

Os músculos queimam mais calorias que a gordura e crescem mesmo quando está a dormir. Estes podem ser alguns dos aspectos que não conhecia sobre os músculos. Descubra os outros. 

 

Não há muito que possamos fazer sem os nossos músculos. No entanto, apesar de serem essenciais para a sobrevivência humana, ainda há muito que não sabemos sobre os músculos e sobre o seu funcionamento.

Deixamos-lhe aqui seis factos sobre os seus músculos que pode ainda não saber.

 

1. NÃO EXISTE APENAS UM MÚSCULO FORTE NO SEU CORPO

Provavelmente já ouviu dizer que a língua é o músculo mais forte do corpo humano. Apesar de ser um músculo impressionante, com a sua “combinação de elasticidade e força”, o LiveSience explica que existem várias maneiras diferentes de medir a força muscular, daí que seja difícil eleger o mais forte de todos.  O músculo gastrocnémio (mais conhecido como músculo dos gémeos) é o músculo que exerce maior força, ao passo que o músculo do maxilar é o que exerce maior pressão. Já o glúteo máximo é o maior músculo do corpo humano.

 

2. OS MÚSCULOS CRESCEM ENQUANTO DORME

Fique a saber que se não dormir o suficiente, o trabalho de ginásio pode não ser devidamente compensado. Durante o sono, nomeadamente no estado profundo, os músculos relaxam e o fluxo de sangue que os irriga aumenta. As hormonas que estimulam o crescimento muscular são libertadas e potenciam o seu crescimento e a sua reparação, segundo a National Sleep Foundation. Portanto, se não dormir o número de horas suficiente pode não estar a potenciar ao máximo o número de horas que despende no ginásio. 

 

3. OS MÚSCULOS REPRESENTAM 85% DO CALOR CORPORAL

Quando os músculos contraem libertam calor – o suficiente para manter a temperatura do corpo humano relativamente constante. Quando também sente frio, os músculos entram em funcionamento. Quando os receptores da pele enviam os sinais de frio, o cérebro desencadeia movimentos musculares involuntários para aquecer o corpo.

 

4. É MAIS FÁCIL GANHAR MÚSCULO QUE PERDÊ-LO

Um estudo recente revelou que se demora o dobro do tempo a perder músculo do que a ganhá-lo. Um dos factos observados é que os participantes ganharam 47% mais de força em dois meses com exercícios de musculação. Depois, após dois meses sem praticarem musculação, os participantes tinham perdido apenas 23% da força que ganharam.

 

5. OS MÚSCULOS QUEIMAM MAIS CALORIAS QUE A GORDURA

A taxa metabólica do corpo em repouso – o número de calorias que queima por dia, sem grande actividade física – está intrinsecamente relacionada com a composição corporal de cada pessoa. Os músculos são mais activos em termos metabólicos que em termos de gordura. Tal significa que queima mais caloria quando está em repouso do que a gordura. Um quilo de músculo em repouso queima seis calorias num dia, ao passo que um quilo de gordura apenas necessita de duas calorias por dia.

 

6. O TECIDO MUSCULAR REPRESENTA CERCA DE 40% a 50% DO PESO CORPORAL

Existem três tipos de tecido muscular – o esquelético, o cardíaco e o liso e cerca de 650 camadas de músculo-esquelético no corpo.

 

FONTE: omeubemestar.com.

1/9