Como pode osteopatia melhorar dificuldades respiratórios de quem sofre de asma '

Em pacientes asmático é muito comum os desconfortos, restrições de movimento e nalguns casos até dores com certa intensidade sentidas no corpo sobretudo na grelha costal. Estas dificuldades respiratória podem ser supremidas com o tratamento osteopático.

A asma é uma doença inflamatória crónica das vias respiratórias caracterizada pela falta de ar, aperto no peito, tosse e opressão torácica. A sua fisiopatologia resulta de contrações da musculatura brônquica e da hiperprodução de muco nas vias aéreas. Os músculos das vias aéreas tornam-se contraídos e o revestimento das passagens de ar incha, reduzindo a entrada de ar e produzindo o característico som de dificuldade respiratória - pieira.

 

Nos pacientes asmáticos, os músculos inspiradores tais como o diafragma e os intercostais encontram-se bloqueados e encurtados, resultando numa restrição de movimento da caixa toráxica inferior e inversão da função diafragmática. O uso da musculatura acessória da cintura escapular (pescoço e ombros), provoca uma anomalia nos mecanismos da respiração, exigindo um esforço suplementar dos músculos da região superior do tórax e da região dorsal, fazendo com que os ombros se aproximam-se mais das orelhas alterando o alinhamento da curvatura toráxica e o aumento da mesma. O tórax inferior diminui a sua amplitude com uma respiração curta e ineficiente, de maior gasto energético, favorecendo a acumulação de muco. Com o decorrer dos anos, estas alterações irão acentuar progressivamente as assimetrias nas cadeias musculares, podendo culminar no surgimento de deformidades toráxicas, limitação na mobilidade das estruturas peri-articulares (costelas, músculos, ligamentos, e tendões) e alterações das curvaturas da coluna vertebral.

 

TRATAMENTO OSTEOPÁTICO

O tratamento osteopático em pacientes com asma, incide na maior parte dos casos em aplicar técnicas específicas que permitem o reequilíbrio do sistema músculo-esquelético da região afetada, contribuindo para uma melhoria e controle da função respiratória.

 

1/9